PlayStation Blast
Ei, você aí. Nosso fórum contém uma gama diversificada e grande de discussões que você poderia fazer parte! Além dos membros serem educados e atenciosos. Então por que não se cadastra aí? Venha discutir conosco e fazer amizades aqui, no Fórum PlayStation Blast!

[Analise] Resident Evil (PlayOne)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Analise] Resident Evil (PlayOne)

Mensagem por UchihaZoro em Qui 10 Maio 2012, 20:08


Ano de Lançamento: 1996
Desenvolvido por: Capcom
Distribuído por: Capcom
Gênero: Survivor Horror
Plataforma: Playstation One
Modos de jogo: Single-player


Lançado no ano de 1996, o primeiro Resident Evil até hoje é considerado por muitos um dos melhores games feitos para o PSOne, é figura na maioria das listas dos melhores games da história. Sendo um dos principais nomes do quase extinto "Survival Horror".

História___________________
A história do jogo começa apresentando, diversos estranhos casos ocorrendo na pequena e distante cidade Raccoon City. Muitas vitimas, aparecem de repente aparecem ao redor da floresta nos arredores da cidade, nos quais são brutalmente assassinadas e seus corpos apresentam sinais de canibalismo e violência extrema.
Não podendo ignorar mais tal atos, o departamento de policia entra em ação, enviando seu time de elite, os S.T.A.R.S (Special Tactics and Rescue Service, Serviço de táticas especiais e de resgate) para tentar solucionar o caso. O primeiro grupo é enviado, os Bravo, que após um tempo, logo perdem contato com a base. Após um dia sem respostas do time enviado, uma segunda equipe é enviada, a equipe Alfa, com a missão de ver o que aconteceu, e dar apoio ao primeiro time, eles entram em ação. Porém ao chegar no local, se deparam com o helicóptero do grupo Bravo abandonado, e sem vestígios dos mesmos no local.
Depois de analisar por perto, eles decidem avançarem mais, a fim de assim encontrar os membros desaparecidos do grupo Bravo, Joseph um dos membros do grupo Alfa é atacado por cães selvagens, cheios de sangue, e aparentemente em estado de decomposição avançada.
Ao serem atacados, Brad, piloto da equipe Alfa corre desesperadamente assim entrando no helicóptero e deixando todos seus colegas para trás, juntos dos cachorros "assassinos".
Os policiais sobreviventes começam a atirar desesperadamente nos cães, porém o mesmo não faz muito efeito neles, pois as balas apenas os atravessão, desesperados eles começam a correr até uma mansão que existia no meio da floresta.
E é aqui que o game inicia, dando a você a oportunidade de escolher tanto ao membro Chris Redfield ou Jill Valentine, devendo vasculhar a mansão, afim de achar outros sobreviventes, como também sobreviver há todas monstros contidos lá, desde pessoas infectadas que se tornam Zombies, há outros espécies de monstros criados a partir do T-Vírus.

História Completa Resumida (Contém Spoilers):

Com os cães vagando no lado de fora, os quatro membros restantes do Alpha (Chris Redfield, Jill Valentine, Barry Burton e Albert Wesker) se vêem presos lá dentro. Neste ponto, o jogador assume o controle do personagem e começa sua jornada pela sobrevivência. Uma das primeiras descobertas é um membro do Bravo, Kenneth J. Sullivan, sendo comido por um zumbi. O personagem eventualmente imagina que a mansão esteja abandonada, cheia de enigmas e armadilhas. Documentos e arquivos espalhados pela casa sugerem que uma série de experimentos e atividades criminosas estavam sendo realizadas na propriedade, sob a autoridade da empresa farmacêutica Umbrella Corporation. As criaturas vagando dentro e fora da mansão são os resultados dessas experiências, que têm exposto seres humanos, animais e insetos a um altamente contagioso e mutagênico agente biológico conhecido como o "T-Vírus". Depois de adentrar em uma série de túneis e salas, o jogador descobre um laboratório subterrâneo contendo detalhadamente os experimentos da Umbrella. No laboratório, Albert Wesker (capitão do Grupo Alpha) revela ser um agente da Umbrella e liberta o Tyrant T-002, um monstro humanóide criada por meio da exposição prolongada ao T-Vírus. Tyrant vai em direção de Wesker e o ataca, aparentemente, matando-o. Após o "assassinato" de Wesker, um programa de autodestruição é acionado. Tyrant encontra os S.T.A.R.S., que respondem à tiros. O jogador pede resgate ao helicóptero. Resistindo aos disparos feito pelos S.T.A.R.S., Tyrant é finalmente morto quando o piloto, Brad Vickers, joga um lança-foguete para o jogador. Os S.T.A.R.S. escapam e logo em seguida a mansão explode.
Nota 10


Gráficos___________________

O primeiro Zombie
Para a época no qual o game foi lançado, com certeza houve uma grande revolução, para todos nós que estávamos apenas acostumados com gráficos em 2d, ao chegarmos do 3d, foi uma revolução no qual nunca havia imaginados antes.
Porém com o tempo, na mesma plataforma (PlayOne) acabariamos vendo games com graficos superiores ao Resident Evil, exemplos são os proximos games da franquia, como o Resident Evil 3, nos quais os graficos são imcoparavelmente superiores.
A mansão e o ambiente foram muito bem aproveitados, com muitos detalhes no quais não viamos frequentemente, sendo um dos melhores, porém o que infelizmente pecava, era os personagens, nos quais eram extremamente pixelados, faltando uma boa quantidade de polimento para o mesmo, porém não era nada que prejudicasse na nossa diversão e entretenimento com o mesmo.

No ínicio do game a cutcene de apresentação do jogo é Full Motion Video e mostra os personagens do jogo em Live Action.

Confira a mesma a seguir:

Nota:7


Jogabilidade___________________
A jogabilidade é outro item polemico, ótimos para alguns, estranhos para outros, particularmente no começo todos ficam com dificuldades ao controlar os personagens, os movimentos dos personagens parecem um tanto robóticos, porém para a época era uma coisa totalmente inovadora, particularmente eu curti bastante, além de a mira ser fácil, pois você apenas alternava entre o extremo esquerda, direita, baixo e cima.
A câmera do game sempre permanecia no mesmo lugar, sempre quando mudando de tela, continuando fixa, dessa vez em um local diferente, e assim não permitindo nos ver adiante o que nos esperavam, graças a isso, a quantidade de sustos que levávamos ao jogar o game era muito grande, pois não podíamos ver o que nos aguardava, com os zumbis aparecendo do nada com certeza tornava o game muito mais assustador. Normalmente isto dificultaria a jogabilidade, porém foi as câmeras foram fixadas em tais cantos, tornando ainda melhor do que como se estivéssemos com ela livre.
Com pouco tempo, fugindo de zombies e os matando, você já pegaria a pratica dos controles e assim perdendo qualquer dificuldade existente com o mesmo.

Nota:9


Som___________________
O som, realmente foi outro item o qual conseguiu dar mais efeito "Terror" ao game, não possuindo nenhuma musicá especifica, aparecendo apenas em momentos específicos conseguiram aumentar o suspense do mesmo.
Quando um som de suspense aumentasse você poderia saber que algo grande iria acontecer, e mesmo sabendo disso, não conseguíamos aguentar e assim nos assustava ainda mais.
Como por exemplo em certos momentos onde está um completo silêncio apenas ouvindo nossos próprios passos, e ao mudar de tela, aparece um cachorro zombie pulando em cima da gente, trazendo a tona a musica de perigo. Mesmo a qualidade não sendo das melhores, eles souberam muito bem, o tempo de usa-las.
As vozes dos personagens não são das melhores, pois em alguns caso ela poderia vir a falhar, aparecendo o vídeo e somente depois o áudio.
Porém mesmo com algumas controvérsias, o som combinava muito com o jogo, não necessitando exatamente de uma trilha sonora para o mesmo.

Nota:8


Replay___________________
Sendo um game de suspense e terror, ao jogarmos por uma segunda vez, o esperado era não nos assustarmos mais, pois já saberíamos o que aconteceria.
Porém ao iniciarmos o game, há a opção de jogar tanto quanto o personagem Chris, quanto a Jill, cada um deles possuindo algo em diferente no game, partes antes não exploradas com o Chris, poderiam ser explorados por Jill, assim nos fazendo jogar novamente.
Mesmo sendo apenas algumas diferenças entre os dois, só conseguiríamos entender a história completamente caso jogássemos com ambos, e lembrando que ao finalizarmos uma vez e depois jogássemos com outro novos itens poderiam ser adquiridos.
E com certeza, mesmo sabendo o que nos esperava, ainda conseguíamos nos assustar. Outro item que nos faziam jogar novamente, era o fator de finais alternativos, podendo escolher quem viveria no final, e quem morreria.

Nota 10


Conclusão___________________
Com certeza, um dos melhores games do nosso querido e antigo Playstation One, mostrando bem o inicio de uma grande franquia, conquistando até mesmo versões para Sega Saturn, PC e Nintendo DS, e até mesmo um remake para o Game Cube.
Por possuir uma história simplesmente magnifica, o game ainda ganhou um livro, contando a história do mesmo e com bonûs explicando muito bem, o que não foi totalmente compreendido apenas jogando, ganhou também um filme, no qual não retrata fielmente o game, porém vale a pena assistir também.
Não sendo exatamente o "pai" do estilo Survival Horror, pois o mesmo já havia sido utilizado pelo game Silent Hill.
Porém todos sabemos que ele foi um dos melhores que aplicou fielmente tal estilo, game totalmente obrigatório para todos que já tiveram um PlayOne.


Nota Final: 8,8

----------------------------------------------------
Veja também a análise de:
Resident Evil 2
Resident Evil 3


Última edição por UchihaZoro em Ter 22 Maio 2012, 19:36, editado 2 vez(es)

UchihaZoro
Veterano Nv.MÁX
Veterano Nv.MÁX

Karma Karma : 383
Posts Posts : 4616

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Analise] Resident Evil (PlayOne)

Mensagem por Convidado em Qui 10 Maio 2012, 20:21

Muito boa Uchiha, Karmado. ^^
Eu joguei ele no DS e achei muito bom, mas pelo que li realmente no PSOne é melhor a emoção de jogar.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Analise] Resident Evil (PlayOne)

Mensagem por UchihaZoro em Qui 10 Maio 2012, 20:51

Valeu Ico!
Ahh e aqui não ta aparecendo seu Karma Rolling Eyes
----------------------------------------------
Quem por acaso ler ela, por favor comente sobre o mesmo. Smile

UchihaZoro
Veterano Nv.MÁX
Veterano Nv.MÁX

Karma Karma : 383
Posts Posts : 4616

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Analise] Resident Evil (PlayOne)

Mensagem por Monagma em Qui 10 Maio 2012, 20:55

Muito completa!
Até karmei!
Embora eu tenha ficado com preguiça de ler tudo...



Monagma
Rei da Terra
Rei da Terra

Karma Karma : 286
Posts Posts : 4274

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Analise] Resident Evil (PlayOne)

Mensagem por Convidado em Qui 10 Maio 2012, 20:56

Veja se apareceu agora ^^ Minha net ta lenta e este pc aqui ta com um virus que faz ele travar direto "-"

ON: Este game deve ser muito especial, gostei bastante de sua analise, só lamento de eu não te-lo jogado no PSOne Sad para ver a emoção original.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Analise] Resident Evil (PlayOne)

Mensagem por UchihaZoro em Qui 10 Maio 2012, 21:35

ICO escreveu:Veja se apareceu agora ^^ Minha net ta lenta e este pc aqui ta com um virus que faz ele travar direto "-"

ON: Este game deve ser muito especial, gostei bastante de sua analise, só lamento de eu não te-lo jogado no PSOne Sad para ver a emoção original.
Apareceu sim Razz
------------------------------------------------------
Realmente este game é muito especial (Ao menos para min)
Foi o primeiro game que joguei ao adquirir meu antigo PsOne.
Amei ele a primeira vista, já zerei o mesmo inúmeras vezes, já joguei todas as outras versões do mesmo, assim como li os livros e assisti os filmes Rolling Eyes
Sou fã de RE desde que me lembro por gente Razz

UchihaZoro
Veterano Nv.MÁX
Veterano Nv.MÁX

Karma Karma : 383
Posts Posts : 4616

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Analise] Resident Evil (PlayOne)

Mensagem por Convidado em Qui 10 Maio 2012, 21:59

RE é uma grande e excelente franquia, adorada por muitos fans e todos querendo que ela não acabe, vi um trailler do RE6 e este game vai trazer muita coisa boa.

Acabei de ver um videos do RE, muito bom mesmo o game. Os gráficos ão bons para a epoca de sua criação. Os sustos então! Do nada os Zumbis aparecem te perseguindo ou te atacando.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Analise] Resident Evil (PlayOne)

Mensagem por Convidado em Qui 10 Maio 2012, 22:05

Poxa, interessante que semana passada eu consegui de um amigo o CD de psone para jogar no meu computador esse game. Nunca havia jogado. Peguei os outros 3: Resident 2, (2CDs) e 3.
É uma série esécial. Acredito que muitos ouros games tentaram imitar, mas na minha opinião, ainda nao vi um que supere survivor horror.


Uchiha, ficou excelente sua analise, muito bem estruturada, tudo ficou bem feito. Parabens por sua dedicação. Mandei um Karma para vc e estou dando um Parabéns Oficial

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Analise] Resident Evil (PlayOne)

Mensagem por UchihaZoro em Qui 10 Maio 2012, 23:44

Valeu pessoal Smile
Havia pensado que acabei escrevendo demais, que bom que gostaram.
Essa é a primeira de muitas Smile

UchihaZoro
Veterano Nv.MÁX
Veterano Nv.MÁX

Karma Karma : 383
Posts Posts : 4616

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Analise] Resident Evil (PlayOne)

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 00:21


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum